Hospedagem Profissional

Hospedagem Profissional
Clique aqui e ganhe US$ 10,00 para testar durante 1 mês a melhor hospedagem: Digital Ocean!

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Gestão custo zero

Relacionamento com o cliente é algo tão importante para uma empresa quedeveria ser rezado como mantra todos os dias por todos os funcionários, antes do início de qualquer expediente. Como não dá para contar só com reza brava, um bom programa de gestão empresarial pode ser uma excelente opção para companhias de grande porte. Mas e como ficam as pequenas e médias empresas, que dificilmente terão reservas para bancar caras soluções de CRM (relacionamento com o cliente), ERP (solução de integração de departamentos) e plataformas de colaboração? Para elas, há ótimas opções de código aberto prontinhas para serem usadas.

CRM pra quem fala inglês

Para quem encara inglês sem problema, uma das soluções open-source mais conhecidas é a SugarCRM (www.sugarcrm.com), que oferece boas opções de instalação e de hospedagem, com arquitetura flexível que facilita a vida da turma da TI. Feito em Ajax, o SugarCRM faz sincronização offline e integra-se à dupla Outlook e Microsoft Word. Como tem uma vasta biblioteca de plug-ins e uma comunidade atuante, ele tem suasfuncionalidades constantemente atualizadas e hoje em dia já tem até mesmo integração com VoIP.

O Centric (www.concursive.com) também se destaca para quem não tem problemas com a língua inglesa. Feito em Java, ele tem funcionalidades de colaboração da equipe de vendas. Suas ferramentas para marketing na internet também são interessantes e bem elaboradas.

O CentraView (http://sourceforge.net/projects/centraview) também é um sistema de código aberto baseado em Java (J2EE) e contém ferramentas de colaboração, CRM e administração de projetos. Ele pode rodar tanto localmente, em um servidor da empresa, quanto na internet. Flexível, o CentraView pode ser usado tanto em máquinas com Linux quanto com Windows.

Outra interessante solução CRM gratuita é o OpenCRX (www.opencrx.org), que se proõe a fazer uma integração total entre vendas, formulário, marketing e serviços para o consumidor, parceiros e fornecedores. Auto-denominando-se “verdadeiro open-source”, o OpenCRX funciona com as versões mais recentes do Internet Explorer, Firefox, Opera e Safari. Seu grande atrativo é ter um custo de manutenção muito baixo e ser extremamente simples, ainda que todas as instruções sejam em inglês. A interface é baseada em XML e é altamente customizável.

Yes, nós temos CRM/ERP brasileiro

As soluções de código aberto não se limitam a quem não perdeu as aulas de inglês do colegial. Os desenvolvedores brasileiros já estão adiantados nesse campo e apresentam ótimas opções totalmente em português. O Freedom (www.freedom.org.br), por exemplo, é um dos mais conhecidos softwares livres focado nos pequenos negócios. Desenvolvido pela SetPoint Informática, é distribuído sob a licença GPL, tem sistema de fácil manutenção e implantação simplificada. O sistema é dividido em vários módulos que se integram com facilidade.

Para o lado do ERP verde-amarelo, temos  o OpenERP (www.softwarelivre.org/initiatives/94), sistema de gestão 100% brasileiro, que foi inicialmente voltado para lojistas, com controle de pedidos, estoque, vendas e cadastro de clientes/produtos. Escrito em Java e voltado para a internet, ele utiliza Ajax, JSF, Spring e Hibernate, entre outras tecnologias.

Escrito pela Conceptia, o Compiere (www.conceptia.com.br/compiere) também tem sangue verde-amarelo e se propõe a ser um software completo de gestão empresarial, que é implementado diretamente na empresa, de acordo com a necessidade de cada uma delas. O Compiere gerencia fornecedores, contas a pagar, contagem de estoque (inventário), contas a receber, geração de pedidos e administração de projetos.

Inteiramente voltado para a plataforma Linux, o Stoq (www.stoq.com.br) se volta para a gestão comercial, com destaque para o controle de estoque e o cadastramento de clients. O Stoq vai além e também faz cálculo dos impostos, impressão de cheques e de nota fiscal.

Força na gestão empresarial

A área de ERP é amplamente dominada pelas competentíssimas soluções da Oracle e da SAP, que não raro são bem complexas, mas absolutamente completas. A fatia que sobrou para as empresas de código aberto é bem pequena e está dividida entre nomes como Apache OFBiz, Compiere, ERP5, Openbravo, OpenMFG/Postbooks e TinyERP.

O NetSuite(www.netsuite.com) impressiona pela usabilidade voltada ao SaaS, o software como serviço. Ele oferece uma soluções completas para ERP (com consolidador financeiro, inventário, controle de estoque e até comércio online), CRM (totalmente baseada na web, com cadastramento completo e detalhado do cliente) e até e-commerce (centraliza soluções de loja online, análise de tráfego e e-mail marketing em um só lugar).

No geral, a escolha do melhor aplicativo de gestão empresarial passa mais pela sua disponibilidade financeira do que pelos recursos oferecidos. Obviamente, muitas funcionalidades são semelhantes, mas é preciso uma boa pesquisa antes de fazer sua escolha. De qualquer modo, é reconfortante saber que existem diversas opções de código aberto que servem de opção às caríssimas soluções oferecidas pelas grandes empresas. É só pesquisar, testar e escolher.

Por Fernando Souza Filho
em http://pcmag.uol.com.br/conteudo.php?id=1081